sexta, 21 agosto 2020 15:02

VIOLÊNCIA EM BAIXA

Brasil registra aumento de 6% (seis porcento) no número de assassinatos no 1º semestre. Após dois anos de recordes na queda dos números de mortes, esse aumento ocorre mesmo durante a pandemia.

O Nordeste, que havia puxado a queda nos últimos anos, foi o responsável por elevar os números neste 1° semestre, os assassinatos na região cresceram 22,4%, nas demais regiões (Norte, Centro-Oeste e Sudeste), o número de crimes violentos foi menor em comparação com o ano passado.

Na contramão desses dados, O Estado de Roraima vem em uma queda, desde 2019, na taxa de crimes violentos. Em 2018 foram 23 mortes por 100 mil habitantes, 2019 o número caiu para 19 mortes por 100 mil habitantes, e em 2020, até a presente data, temos 16 mortes por 100 mil habitantes.

O controle do Sistema Penitenciário de Roraima após a Intervenção Federal da FTIP no final de 2018, onde o crime organizado dominava e orquestrava crimes de dentro das cadeias do Estado. Com o controle do Sistema Penitenciário as Unidades adotam medidas e rotinas de segurança que impedem a entrada de celulares, armas brancas, instrumentos que podem se tornar armas e garantem segurança a todos dentro e fora dos presídios.
Com o controle do Sistema Penitenciário às Unidades adotaram medidas e rotinas de segurança que impedem a entrada de celulares, armas brancas e demais instrumentos que podem vir atentar contra a segurança.

Com o trabalho integrado das forças de segurança (Polícia Civil, Polícia Militar, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Penal) o Estado de Roraima vem mantendo as taxas de violência em queda.

Fonte: Portal G1, Monitor da Violência: https://g1.globo.com/monitor-da-violencia/noticia/2020/08/21/mesmo-com-quarentena-brasil-tem-alta-de-6percent-no-numero-de-assassinatos-no-1o-semestre.ghtml